PT EN
Quero Visitar Quero Expor

Todas as Notícias Voltar

Univille demonstra funções de robôs colaborativos para aplicação industrial na arena de robótica

Publicado em 07/09/2017 - 12:36  

Thumb post image

A interface entre a universidade e a indústria com demonstrações de robôs colaborativos desenvolvidos com legos para aplicações industriais poderão ser visualizados no espaço da Univille na arena de robótica da Intermach. No ambiente educacional a robótica envolve as ciências de computação, eletrônica e mecânica e engloba sistemas mecânicos e processos automatizados, que possibilita a construção de robôs integrando o conhecimento de diferentes áreas.

Na Intermach o público poderá apreciar uma série de furcioncionalidades desenvolvidas pela instituição e aplicáveis aos ambientes industriais:

Robô lego Seguidor de Linha

A categoria Seguidor de Linha é um desafio inteligente do tipo trekkink. O robô deve seguir um trajeto com curvas e cruzamentos no menor tempo possível. Para isso, deve ser totalmente autônomo, fazendo uso apenas de sensores e sistemas de controle embarcado (contido no próprio código do robô).

Robô cubo rubik

O projeto tem  a finalidade da resolução do cubo rubik, conhecido como cubo mágico (quebra cabeças tridimensional com cores diferentes em cada uma das faces), por meio de um robô autônomo. O robô deve ser capaz de reconhecer todas as faces do cubo por meio de sensores e ser capaz de criar uma sequência de passos para rotacionar o cubo utilizando um sistema de controle embarcado e autônomo, capaz de deixar todos os lados do cubo com apenas uma cor.

Robô Transformer

O projeto Transformer consiste em um robô autômato com dois comportamentos distintos. O primeiro de um carro comum capaz de se movimentar autonomamente pelo ambiente. O segundo em um robô em forma humanoide, com a mudança do formato físico. Na forma humanoide o robô também tem autonomia de movimento.

Robô Lego Sumo

O projeto Lego Sumo consiste em uma competição de robôs inspirado na luta japonesa de Sumo. O objetivo é empurrar o adversário para fora da arena circular. Para isso os robôs precisam de motores e tração para empurrar e não serem empurrados. O robô deverá ser capaz de capturar informações por meio de sensores e seguir uma lógica de programação que decide o que fazer.

Robô Colaborativo

Os robôs colaborativos são uma promessa para o futuro das indústrias, quebrando paradigmas ao automatizar postos de trabalho. Eles são compactos e podem trabalhar ao lado das pessoas, aliando segurança, produtividade e economia. Um estudo publicado em maio deste ano pela consultoria McKinsey, 50% dos atuais postos de trabalho no Brasil poderiam ser automatizados, o que equivale a 53,7 milhões. Somando esse indicativo ao potencial de US$ 15 trilhões da internet industrial nos próximos 15 anos, é possível visualizar uma indústria com robôs colaborativos monitorados remotamente.

Sobre a Intermach

A Intermach – Feira e Congresso Internacional de Tecnologia, Máquinas, Equipamentos, Automação e Serviços para a Indústria Metalmecânica – é referência em tecnologia para a manufatura industrial, impulsionando o mercado industrial. A Intermach apresenta tecnologias, inovações, tendências, desenvolve negócios e relacionamentos e estimula o conhecimento. O evento reúne as empresas fornecedoras para o mercado industrial e recebe visitantes nacionais e internacionais em busca das melhores soluções.

Serviço

Intermach 2015 - Feira e Congresso Internacional de Tecnologia, Máquinas, Equipamentos, Automação e Serviços para a Indústria Metalmecânica – www.intermach.com.br

Data: de 12 a 15 setembro de 2017

Horário: 14h às 21h

Local: Expoville – Joinville/SC – Brasil

Organização: Messe Brasil

 

Assessoria de Imprensa – Messe Brasil

Simone Hülse Feuser – simone@hfcom.net.br – 47 99911-5501